Discurso de Putin pelo Ano Novo 2022


Link curto pra esta postagem: fishuk.cc/novygod2022

Como sempre foi tradição no Pan-Eslavo Brasil, meu antigo canal no YouTube, e como sempre será aqui no site, traduzi e legendei o discurso de fim de ano proferido em cadeia nacional de TV pelo Presidente de Todas as Rússias, Vladimir Putin. Muitas de suas fórmulas são praticamente idênticas de ano a ano, mas no último 31 de dezembro de 2021 a duração foi um pouco maior do que a usual, devido à atenção especial com a pandemia de covid e ao bem-estar dos cidadãos. Não há menções às rixas com os países vizinhos nem às tensões com a OTAN, mas ele menciona a busca por sempre garantir a segurança do povo.

Muito mais do que em 2020, a covid provocou altos índices de contaminação e mortes na Rússia (nada comparado, porém, ao Brasil e à Índia em seus piores dias), e a vacina Sputnik V desenvolvida pelo governo federal continuou barrando na desconfiança em muitos países ocidentais. Putin parece manter uma fisionomia mais tranquila do que em anos anteriores, e embora ele sempre tenha algumas frases mais carinhosas, em 2021/2022 estão bem mais melosas e dedicadas à proteção da família e dos idosos. Desde a década de 1980, a Rússia sofre de um problema crônico de natalidade, e novos nascimentos são necessários pro país continuar produzindo e funcionando.

Eu mesmo traduzi direto do russo e legendei, tendo tirado texto e vídeo do próprio site oficial do Kremlin. Também existe um upload do discurso completo neste canal do YouTube e a transcrição completa no site da agência TASS de notícias. Como brinde (e contraponto) a quem me acompanha, sugiro que assistam também ao discurso coletivo de Ano Novo dos líderes da oposição belarussa exilada, em particular Sviatlána Tsikhanóuskaia, traduzido e legendado pelos meus amigos Volha e Paterson Franco!



Estimados cidadãos da Rússia! Caros amigos!

O ano de 2021 está acabando. Dentro de instantes o tempo vai nos transportar do passado para o futuro. Sim, é assim que ocorre a cada dia, minuto e segundo, mas esse curso ininterrupto do tempo ouvimos claramente quando celebramos o Ano Novo, esperado como um marco importante na vida.

Estamos todos agora unidos pela esperança em iminentes mudanças para melhor, mas entendemos que é impossível destacá-las, separá-las dos acontecimentos do ano que passou. Deparamo-nos com desafios colossais, mas aprendemos a viver em tais condições terríveis, a resolver tarefas complexas, e pudemos fazer isso graças a nossa solidariedade. Juntos continuamos lutando contra uma perigosa epidemia que atingiu todos os continentes e por enquanto não se deteve. A pérfida doença ceifou dezenas de milhares de vidas. Quero expressar palavras de apoio sincero a todos os que perderam parentes e pessoas próximas.

Caros amigos! O mais importante é que superamos juntos todas as dificuldades do ano que passou, defendemos os que se encontravam numa situação difícil, apoiamos em primeiro lugar as pessoas das velhas gerações e as famílias que criam filhos, o futuro da Rússia. Protegemos rígida e continuamente nossos interesses nacionais, a segurança do país e dos cidadãos. Num curto prazo reerguemos a economia e estamos agora em várias frentes conseguindo realizar tarefas estratégicas de desenvolvimento. É claro que ainda restam muitos problemas por resolver, mas passamos este ano dignamente. Aqui o mérito principal pertence exatamente a vocês, cidadãos da Rússia. Esse é o resultado, caros amigos, de seu árduo trabalho. Cada um em seu posto buscou cumprir com seu dever, fazer não somente o que está dentro de suas forças, mas também muito mais, ajudar os que têm dificuldades especiais.

Agradeço a todos vocês de coração. Em tempos tão difíceis como agora, é muito importante o espírito criativo, o esforço para não deixar de realizar seus planos pessoais e trazer proveito à sociedade e ao país natal. E, celebrando o Ano Novo, esperamos que ele abra novas possibilidades. É claro que também contamos com a sorte, mas mesmo assim entendemos que conquistar o que planejamos depende, sobretudo, de nós mesmos, do que colocamos como prioridade, de como preenchemos a vida cotidiana, de quão firme e ativamente nos pomos a trabalhar e alcançamos resultados concretos e visíveis. Derivará de tudo isso a realização dos planos de toda a nação.

O principal objetivo deles é elevar o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas. Resolver precisamente essas tarefas fará a Rússia ainda mais forte. E somente juntos podemos garantir que nossa Pátria continue se desenvolvendo e prosperando.

Caros amigos! A noite de Ano Novo é literalmente cheia de bons sentimentos e de radiantes intenções, do desejo que todos têm de revelar suas melhores qualidades. E em tal abertura e generosidade estão a essência e a energia dessa festa maravilhosa, em que se torna tão importante aquecer os pais com atenção e cuidado, abraçá-los se estão ao lado, dizer a todos nossos íntimos o quanto nos são queridos. Que felicidade é quando há amor, filhos, família, amigos. Tudo isso tem grande valor e define largamente o sentido da vida de cada pessoa. Todos queremos que no novo ano eles sigam sendo nosso porto seguro.

E agora revelamos prontamente sentimentos íntimos às pessoas de que gostamos, pronunciamos as sinceras palavras de amor e gratidão para as quais às vezes não sobra tempo na correria diária. Mas nisto consiste a verdadeira magia do Ano Novo, em abrirmos nossos corações à sensibilidade e à confiança, à generosidade e à clemência. E onde quer que estejamos nestes minutos – no círculo da família e amigos, nas praças das queridas cidades –, ressoam por toda parte os mais calorosos votos.

Junto-me com prazer a eles e quero desejar feliz Ano Novo individualmente a todos que estão agora exercendo seu dever profissional e militar, salvando e tratando doentes, alocados em postos militares, garantindo a lei e a ordem. O trabalho não para nas linhas de transporte e em várias fábricas e serviços de suporte à vida. Nesses setores trabalham centenas de milhares de cidadãos nossos. Agradeço-lhes pelo trabalho responsável e importante para o país e a sociedade.

Caros amigos! Daqui a alguns segundos chegará o Ano Novo, e em muitas famílias, inclusive entre nossos compatriotas fora da Rússia, será ouvido o tradicional “Adeus ano velho, feliz ano novo”. Pronunciamos essas palavras simples com um sentimento especial, pois são transmitidas de geração a geração. Meus sinceros votos a vocês! O principal voto, claro, é que todos tenham uma saúde de ferro. Confio em que se juntarão a ela êxitos no trabalho, no estudo, na criação e no lazer.

Que em cada lar haja o máximo possível de eventos felizes! Que cada vez mais surjam novas famílias e nasçam filhos. Que eles cresçam saudáveis, inteligentes, honrados e livres. Que haja amor em cada coração a nos inspirar à realização dos objetivos fixados e à conquista das mais altas posições em prol das pessoas queridas e de nossa grande e inigualável Pátria.

Feliz Ano Novo, caros amigos! Feliz Ano Novo de 2022!