Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

5 de maio de 2018

“Нам нужна одна победа”: URSS 1970


Link curto para esta postagem: fishuk.cc/odnapobeda


Esta canção foi criada pelo poeta e compositor russo-soviético Bulat Okudzhava em 1970 e incluída na trilha sonora do filme soviético Estação bielo-russa, dirigido por Andrei Smirnov no mesmo ano. Ela se chama “Нам нужна одна победа” (Nam nuzhna odna pobeda), Precisamos de uma vitória, e fala dos piores combates ocorridos na União Soviética contra os nazistas na 2.ª Guerra Mundial, tendo duas gravações interessantes que apresento abaixo. A primeira possui o barítono inconfundível de Eduard Khil em 1977, mesma data do vídeo, um dos raros clipes fora do estilo mais brincalhão, agora bem sério ao falar de combates. A segunda foi cantada em 2010 pela banda russo-cazaque A’Studio, nas comemorações do Dia da Vitória (7 de maio). Esse grupo de música pop (site oficial) surgiu em 1987, ainda na era soviética, tendo passado por várias formações e contando desde 2005 com a georgiana Ketevan (Keti) Topuria como vocalista.

Nesta página está o vídeo com Eduard Khil, e nesta outra está o da banda A’Studio, ambos sem legendas. Eu mesmo traduzi direto do russo, a partir do texto que copiei desta página, e legendei. Seguem abaixo as legendagens que postei no canal Eslavo (YouTube), a letra em russo e a tradução em português:




____________________


1. Здесь птицы не поют,
Деревья не растут,
И только мы, к плечу плечо
Врастаем в землю тут.

Горит и кружится планета,
Над нашей Родиною дым,
И значит, нам нужна одна победа,
Одна на всех – мы за ценой не постоим.
Одна на всех – мы за ценой не постоим.

Припев:
Нас ждет огонь смертельный,
И все ж бессилен он.
Сомненья прочь, уходит в ночь отдельный,
Десятый наш десантный батальон.
Десятый наш десантный батальон.

2. Лишь только бой угас,
Звучит другой приказ,
И почтальон сойдет с ума,
Разыскивая нас.

Взлетает красная ракета,
Бьет пулемет неутомим,
И значит нам нужна одна победа,
Одна на всех – мы за ценой не постоим.
Одна на всех – мы за ценой не постоим.

(Припев)

3. От Курска и Орла
Война нас довела
До самых вражеских ворот.
Такие, брат, дела.

Когда-нибудь мы вспомним это,
И не поверится самим.
А нынче нам нужна одна победа,
Одна на всех – мы за ценой не постоим.
Одна на всех – мы за ценой не постоим.

(Припев)

____________________


1. Aqui não cantam pássaros,
As árvores não crescem,
Apenas nós, braço a braço,
Penetramos nesta terra.

O planeta gira ardente,
Fumaça sobre nossa Pátria,
Então precisamos de uma vitória,
Uma a todos nós, por qualquer preço!
Uma a todos nós, por qualquer preço!

Refrão:
O fogo mortal nos espera,
Porém ele é impotente.
Sem hesitar, entra na noite nosso 10.º
Batalhão especial de desembarque.
Batalhão especial de desembarque.

2. O combate mal terminou
E já ressoa outra ordem,
E o carteiro fica maluco
Tentando nos encontrar.

O míssil vermelho decola,
A metralhadora não para,
Então precisamos de uma vitória,
Uma a todos nós, por qualquer preço!
Uma a todos nós, por qualquer preço!

(Refrão)

3. De Kursk e de Oriol
A guerra nos impeliu
Bem às portas do inimigo.
Mano, assim são as coisas.

Um dia nos lembraremos
Sem crer em nós mesmos.
Mas agora precisamos é da vitória,
Uma a todos nós, por qualquer preço!
Uma a todos nós, por qualquer preço!

(Refrão)