Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

30 de agosto de 2015

Pelos vales e colinas (canção partisan)


Link curto para esta postagem: fishuk.cc/colinas


Pelos vales e colinas, em russo “По долинам и по взгорьям” (Po dolinam i po vzgoriam), é uma popular marcha militar dos tempos da Guerra Civil Russa (1918-1922). Iniciada a Primeira Guerra Mundial, o escritor russo Vladimir Giliarovski compôs a letra da Marcha do Regimento Siberiano, e na época da guerra civil, foram escritas sobre sua melodia alguns textos variantes, entre eles a Marcha dos guerrilheiros do Extremo Oriente (1922).

Com nova melodia de Ilia Aturov e letra de Piotr Parfionov, essa marcha é dedicada à 2.ª Divisão da Manchúria Exterior, formada após a Batalha de Volochaievka da guerra civil (5 a 14 de fevereiro de 1922). A canção trata da luta do Exército Vermelho contra as tropas do Governo Provisório da Manchúria Exterior, comandadas pelo general Viktorin Molchanov, nos entornos de Spassk, Volochaievka e Vladivostok. Esse governo foi o último enclave “branco” da guerra civil, cuja rendição foi um dos episódios finais do conflito.

Nas décadas de 1920 e 1930, a canção passaria a ser conhecida como “Партизанский гимн” (Partizanski gimn), título que pode ser traduzido como Hino partisan ou Hino guerrilheiro. Na Guerra Civil Espanhola (1936-1939) já havia surgido uma versão em espanhol entre os republicanos, e com a Segunda Guerra Mundial a canção incrementou sua popularidade, sendo escritas versões nas línguas dos resistentes de vários países. Uma das mais conhecidas é a versão em sérvio Po šumama i gorama, cirílico “По шумама и горама” (Pelos bosques e montanhas; escute aqui). Na Rússia, a canção era ensinada nas escolas até a dissolução da URSS, mas até hoje algumas crianças ainda a aprendem.

Algumas notas históricas. Primorie (Приморье) e Priamurie (Приамурье) são duas regiões histórico-geográficas do Extremo Oriente russo, bordeando o Oceano Pacífico, sendo a segunda conhecida também como “Manchúria Exterior” e a primeira, não tendo equivalente em português, mas também sendo um nome não oficial da Província Marítima, ou Krai do Litoral. Mas no geral, essas regiões podem abranger uma ou mais divisões federais russas, ou parte delas.

“Atamano” (атаман, ataman) era o título oficial dos chefes militares supremos dos exércitos cossacos do Império Russo, enquanto “voivoda” (воевода, voievoda), palavra com acepções diversas em todo o mundo eslavo, era no mesmo império o comandante militar de determinada região que, ao longo do tempo, também acumulou funções governativas, ou tinha apenas estas. Contudo, nos tempos da Guerra Civil Russa, “atamano” e “voivoda” também designavam lideres militares e/ou políticos de tropas “brancas” no Extremo Oriente russo.

Fiz a legendagem a pedido dos autores do blog do Coletivo Lenin. No verbete sobre essa canção da Wikipédia em inglês, há também a versão em sérvio com tradução. A maioria das informações que escrevi sobre a canção foi traduzida do artigo da Wikipédia em russo, mas também pesquisei em outras versões, bem como na hora de escrever as notas históricas. O vídeo abaixo está no meu canal O Eslavo no YouTube, e depois, a letra em russo e em português:


____________________


По долинам и по взгорьям
Шла дивизия вперёд,
Чтобы с боя взять Приморье —
Белой армии оплот
Чтобы с боя взять Приморье —
Белой армии оплот

Наливалися знамёна
Кумачом последних ран,
Шли лихие эскадроны
Приамурских партизан.
Шли лихие эскадроны
Приамурских партизан.

Этих лет не смолкнет слава,
Не померкнет никогда —
Партизанские отряды
Занимали города.
Партизанские отряды
Занимали города.

И останутся, как в сказках,
Как манящие огни
Штурмовые ночи Спасска,
Волочаевские дни.
Штурмовые ночи Спасска,
Волочаевские дни.

Разгромили атаманов,
Разогнали воевод
И на Тихом океане
Свой закончили поход.
И на Тихом океане
Свой закончили поход.

____________________


Pelos vales e colinas
A divisão seguia adiante
Para lutar pelo Primorie,
Baluarte do Exército Branco.
Para lutar pelo Primorie,
Baluarte do Exército Branco.

As bandeiras estavam cheias
Do vermelho das últimas feridas,
Seguiam os audazes esquadrões
De guerrilheiros do Priamurie
Seguiam os audazes esquadrões
De guerrilheiros do Priamurie

A glória desses anos jamais
Vai se apagar ou se calar:
Os destacamentos guerrilheiros
Conquistaram cidades.
Os destacamentos guerrilheiros
Conquistaram cidades.

E restarão, como nos contos,
Como chamas atraentes
As noites de assalto a Spassk
E os dias rumo a Volochaievka.
As noites de assalto a Spassk
E os dias rumo a Volochaievka.

Destroçamos os atamanos,
Dispersamos os voivodas
E junto ao Oceano Pacífico
Terminamos nossa marcha.
E junto ao Oceano Pacífico
Terminamos nossa marcha.