Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Батарейка (Bateria), rock russo (1999)


Link curto para esta postagem: fishuk.cc/batareika


Esta linda canção romântica foi gravada pela banda russa Zhuki em 1999 e composta pelo seu fundador, Valeri Petrovich Zhukov, conhecido músico moderno atuante desde a dissolução da União Soviética. O nome da música é “Батарейка” (Batareika), que pode significar “pilha” ou “bateria”, mas em todo caso o termo é uma metáfora contemporânea que alude ao esgotamento de um amor para o qual não há mais volta (“acabou a bateria do nosso amor”). A banda de rock Zhuki, liderada por Zhukov desde o início, foi fundada em 1991, mas só gravou seu primeiro álbum em 1999, chamado justamente Batareika e que lhe deu fama em toda a Rússia. Desde os anos 2000, vários outros álbuns foram gravados.

As meninas russas do vídeo, que têm um canal no YouTube chamado “3/4”, já são famosas no meu canal O Eslavo por eu já ter legendado outros vídeos delas cantando, encontrados ocasionalmente enquanto eu procurava canções soviéticas em outras interpretações. Bem jovenzinhas, “musicando” por amor e prazer, elas postam vídeos sem compromisso ou ambição, apenas como lazer, e cantam e tocam violão muito bem, com uma clara e bonita pronúncia da língua russa, o que as torna um ótimo material ao estudante estrangeiro. Recomendo que vejam os outros vídeos com elas, legendados no meu canal, é só procurar “meninas russas” na busca do YouTube!

Eu tirei a letra em russo desta página e baixei o vídeo das meninas, sem legendas, deste endereço. Depois traduzi a letra e com o texto, sem alterações, fiz a legenda, que pode ser vista abaixo, seguida dos textos em russo e português (tradução não totalmente literal):


____________________


Холодный ветер с дождём
Усилился стократно,
Всё говорит об одном,
Что нет пути обратно.
Что ты не мой лопушок,
А я не твой Андрейка,
Что у любви у нашей
Села батарейка.

О-о-и-я-и-ё батарейка,
О-о-и-я-и-ё батарейка.

Я тосковал по тебе
В минуты расставанья,
Ты возвращалась ко мне
Сквозь сны и расстоянья.
Но несмотря ни на что
Пришла судьба-злодейка,
И у любви у нашей
Села батарейка.

О-о-и-я-и-ё батарейка,
О-о-и-я-и-ё батарейка.

И вроде, всё как всегда,
Всё те же чашки-ложки,
Всё та же в кране вода,
Всё тот же стул без ножки.
И всё о том же с утра
Щебечет канарейка,
Лишь у любви у нашей
Села батарейка.

О-о-и-я-и-ё батарейка,
О-о-и-я-и-ё батарейка.
О-о-и-я-и-ё батарейка,
О-о-и-я-и-ё батарейка.

____________________


O vento frio com chuva
Aumentou cem vezes,
Tudo mostra somente
Que não tem mais volta.
Você não é minha florzinha
E eu, não seu Andrezinho,
Que acabou a bateria
Do nosso amor.

Ô, ô, iá, iô... bateria,
Ô, ô, iá, iô... bateria.

Eu tinha saudades suas
Na hora da separação,
Você voltava pra mim
Em sonhos e ao longe.
Mas apesar de tudo
O destino foi malvado
E esvaziou a bateria
Do nosso amor.

Ô, ô, iá, iô... bateria,
Ô, ô, iá, iô... bateria.

Parecem estar como antes
O mesmo conjunto de chá,
A mesma água na torneira,
A cadeira sem uma perna.
E desde manhã sobre isso
Ainda canta o canarinho,
Apenas que o nosso amor
Está sem bateria.

Ô, ô, iá, iô... bateria,
Ô, ô, iá, iô... bateria.
Ô, ô, iá, iô... bateria,
Ô, ô, iá, iô... bateria.