Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

19 de novembro de 2017

Igor Rasteriaiev – “Проводы” (cômica!)


Link curto para esta postagem: fishuk.cc/provody


Não sei se essa era mesmo uma canção que me pediram há algum tempo pra legendar. Ela se chama “Проводы” (Provody), palavra que designa uma festa de despedida ou um “bota-fora” pra alguém que vai mudar de condição ou ficar um tempo afastado do convívio familiar. É o caso, por exemplo, dos jovens que vão servir o exército como internos, tema recorrente no folclore musical russo desde a era soviética. E com muito humor o canta Igor Rasteriaiev, criativo cantor, compositor e acordeonista, em vídeo de 2016.

Há na música evidentes elementos da cultura cossaca, como o acordeão de botões (harmônica), o rápido compasso e o sotaque com elementos parecidos ao ucraniano padrão. É a velha tradição da Rússia rural, renascida e reciclada conforme os gostos modernos. Em vista do que buscaram e sonhavam os bolcheviques, até podemos pensar como sua titânica empreitada teve esse resultado... A letra é de autoria do próprio Rasteriaiev, que a gravou em seu CD Dozhd nad Medveditsei, tendo postado este vídeo de estreia, sem legendas, em seu próprio canal do YouTube. Como outros artistas, tem seu sucesso e visibilidade impulsionados por essa plataforma.

Igor Rasteriaiev nasceu em 1980, numa família de artistas, e fez formação superior em artes cênicas, tendo atuado em alguns filmes e na TV. Porém, ficou mais famoso como músico, ao se inspirar nas próprias raízes rurais, a partir da viralização de seus vídeos, em 2010. Em 2011 gravaria seu primeiro álbum e não pararia com os shows. Baseia suas composições em fatos reais, alguns ocorridos com parentes e amigos, e tem seus vídeos gravados por um amigo que assessora suas produções.

Eu tirei a letra escrita desta página especializada, onde também colhi as informações acima. Eu mesmo traduzi e legendei, tendo postado o resultado no meu canal Eslavo (YouTube). Recomendo que visitem e divulguem também os dois canais YouTube de Rasteriaiev, o pessoal e o profissional, aonde ele joga todos os seus clipes. Lá tem os endereços de seu site e de suas redes sociais! Seguem abaixo a legendagem, a letra em russo e a tradução em português, em duas colunas pra poupar espaço:


____________________


– Батя! Собирай гостей –
Будем есть и пить.
Завтра утром ухожу
В армию служить.

– Что ты говоришь,
Миленький сынок?
Я уже бегу,
Не жалея ног.

Приходи, родня!
Будем есть и пить!
Мой сынок идёт
В армию служить!

– Батя! Водочки налей –
Опустел сосуд.
Кстати, почему курей
Долго не несут?

– Миленький сынок,
Щас всё принесут,
И водка с холодцом
Будут тут как тут.

Ну-ка, гармонист,
Дёрни от души!
Мой сынок идёт
В армию служить.

– Батя, чё-то я устал,
Хочу отдыхать.
Отнеси-ка на руках
Меня на кровать.

– Миленький сынок,
Вот уже несу!
Набирайся сил,
Отходи ко сну.

Ну-ка тихо все,
Быстро свет туши!
Мой сынок идёт
В армию служить.

Миленький, сынок, вставай!
В армию пора.
Проводили мы вчера
Тебя «на ура».

– Батя, отойди,
В ухо не гуди,
Да не надо мне
В армию идти!

Не хотел никто
Меня призывать –
Захотелось мне
Просто погулять.

Papai, chame o pessoal
Pra comermos e bebermos.
Amanhã de manhã vou
Começar o serviço militar.

É verdade mesmo,
Filhinho querido?
Vou correndo já,
Sem poupar passos.

Venha, parentada!
Vamos comer e beber!
Meu filhinho vai
Servir o exército!

Papai, mete mais vodca
Que o pote esvaziou.
Aliás, porque demoram
Pra trazer as galinhas?

Filhinho querido,
Já já trazem tudo,
A vodca e a galantina
Vão logo ser servidas.

Eia, sanfoneiro,
Rasga esse fole!
Meu filhinho vai
Servir o exército.

Papi, tô meio fatigado,
Eu quero descansar.
Me pega nos braços
E me leva pra cama.

Filhinho querido,
Já vou te levar!
Recobre suas forças
Fazendo sua naninha.

Opa, todos quietos,
Apaguem logo a luz!
Meu filhinho vai
Servir o exército.

Levanta, filhinho lindo!
Hora de ir ao quartel.
Ontem fizemos a sua
Festa de despedida.

Papai, vá embora,
Poupe meus ouvidos,
Pois não tenho que
Servir o exército!

Não fui convocado,
Ninguém quis isso:
Eu apenas desejei
Farrear um pouco.