Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 6 de dezembro de 2015

Гей, соколи! (Ei, falcões!) – Ucrânia


Link curto para esta postagem: fishuk.cc/sokoly


Linda canção nacional-popular com que travei conhecimento ao conversar com um amigo polonês, é corrente tanto entre poloneses quanto entre ucranianos e se chama Ei, falcões! (Hej, Sokoły! em polonês, Гей, соколи! em ucraniano). Tem várias versões, e trata de um cossaco que deixa para sempre sua amada e sua terra natal.

A origem da canção é incerta, e tem fontes que a consideram uma obra só polonesa, e outras, só ucraniana. Alguns também dizem ser uma canção popular bielo-russa. Mas sua composição é geralmente localizada na primeira metade do século 19, por obra do poeta e compositor ucraíno-polonês Tymko (Tomasz) Padura (1801-1871).

A canção ficou muito popular na Polônia durante a guerra contra os bolcheviques russos e ucranianos em 1920, e foi muito cantada por alguns guerrilheiros poloneses antinazistas na 2.ª Guerra Mundial. A partir dos anos 1990, ela ganhou novo impulso ao entrar no repertório de cantores e na trilha de um filme.

Retirei essas informações da Wikipédia em inglês e ucraniano, bem como a letra de uma das versões em ucraniano que traduzi. O ucraniano Anatoliy Oveka, explicando a terceira estrofe, disse que nas pomynky, um banquete ou reunião em memória de um falecido (em russo, pominki), é comum se beberem os alcoólicos vinho e hidromel. Era um dos desejos do cossaco, que também pediu, ao morrer na guerra, para ser enterrado ao lado de sua amada na Ucrânia.

Um comentário sobre tempos verbais. Sempre que havia imperativo, optei por colocar o plural na terceira pessoa (“vocês”): “Voem por montes...”, “Sirvam hidromel...”, “... me enterrem”. Mas no singular (ver refrão), usei a segunda pessoa (“tu”), porque ela é mais corrente na nossa linguagem falada e porque a forma “toca” ocupa menos espaço na legendagem do que a forma “toque” (“você”, terceira pessoa).

O vídeo sem legendas do qual tirei o áudio para fazer minha própria montagem está nesta página. O vídeo legendado abaixo está no meu canal O Eslavo no YouTube, e depois estão a letra em ucraniano e em português. As legendas são uma versão simplificada da tradução que postei aqui, mas não houve alteração de sentido:


____________________


1. Гей, десь там, де чорні води,
Сів на коня козак молодий.
Плаче молода дівчина,
Їде козак з України.

Приспів:
Гей! Гей! Гей, соколи!
Оминайте гори, ліси, доли.
Дзвін, дзвін, дзвін, дзвіночку,
Степовий жайвороночку.
Гей! Гей! Гей, соколи!
Оминайте гори, ліси, доли.
Дзвін, дзвін, дзвін, дзвіночку,
Мій степовий дзвін, дзвін, дзвін.

2. Жаль, жаль за милою,
За рідною стороною.
Жаль, жаль серце плаче,
Більше її не побачу.

(Приспів)

3. Меду, вина наливайте
Як загину, поховайте
На далекій Україні
Коло милої дівчини.

(Приспів)

____________________


1. Ei, num lugar onde as águas são negras
Um jovem cossaco partiu a cavalo.
Uma jovem moça está chorando,
O cossaco está partindo da Ucrânia.

Refrão:
Ei! Ei! Ei, falcões!
Voem por montes, matas e vales.
Toca, toca, toca, sinetinha,
Toca, cotovia das estepes.
Ei! Ei! Ei, falcões!
Voem por montes, matas e vales.
Toca, toca, toca, sinetinha,
Minha, das estepes, toca, toca, toca.

2. Saudade, que saudade
Da querida terra natal.
O coração chora de saudade,
Não vou mais vê-la.

(Refrão)

3. Sirvam hidromel e vinho
Quando eu morrer, e me enterrem
Na distante Ucrânia
Ao lado da moça amada.

(Refrão)