Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Alyosha – Край, мій рідний край


Link curto para esta postagem: fishuk.cc/krai2


Mais uma canção ucraniana que canta as belezas da paisagem local. A cantora Alyosha interpreta o tradicional hit “Край, мій рідний край” (Krai, mii ridny krai), Terra, minha terra natal, numa apresentação que deve ser por volta de 2015, quando o vídeo sem legendas foi postado. A canção foi composta no fim dos anos 1970 por Mykola Moz’hovy e alude a paisagens do oeste da Ucrânia, mais nacionalista e pró-Europa. Contudo, me parece que Alyosha vem de um ambiente mais russo, por ela ser de Zaporizhia, ter influências russas na pronúncia e o próprio apelido “Alyosha” ser mais dessa cultura.

A canção foi interpretada pela primeira vez em 1979 pela célebre cantora ucraniana Sofia Rotaru e se tornou sucesso imediato, mas se destinava originalmente a um álbum seu de 1981. A partir daí, vários outros artistas gravaram, mesmo nos anos 2000 e, como vemos, nos anos 2010. A letra tem várias referências à cultura da Ucrânia, como o hábito de oferecer aos visitantes um pão caseiro com um potinho de sal em cima, presente em todos os países eslavos, no Báltico, Ucrânia e Armênia (muitas outras culturas também associam o pão à hospitalidade e o sal à amizade). A Ciscarpátia é uma região histórica que integra a depressão geográfica subcarpatiana, ao pé dos montes Cárpatos, e geralmente se refere à província de Ivano-Frankivsk, no extremo oeste, associada à região histórica mais ampla da Galícia e passada da Polônia para a Ucrânia soviética em 1939.

Mykola Petrovych Moz’hovy (1947-2010) foi um tenor e compositor que fez fama ao compor esta canção para Sofia Rotaru, atuou na antiga Ucrânia soviética e em 1991 passou mais à produção e gerência artística, à docência e à pesquisa. Condecorado Artista Popular da Ucrânia em 1993, transitou por vários gêneros e deu declarações polêmicas sobre a situação da música popular nacional. Olena Oleksandrivna Kucher-Topolia (n. 1986), nome artístico Alyosha, já cantava quando criança, teve formação musical acadêmica e interpreta rock, pop-rock, rock alternativo, folk e R&B. Ela também compõe letras e melodias, ganhou vários concursos nacionais no ano 2000 e impulsionou a carreira em 2010, quando chegou à final do Eurovision, após polêmica com direitos autorais e política nas prévias ucranianas.

Alyosha tem como redes de contato virtual: site oficial, grupo oficial no VKontakte, página oficial no Facebook e canal oficial no YouTube.

O vídeo sem legendas está neste endereço, e embora o canal tenha o nome de Alyosha, acredito que seu espaço oficial seja o citado acima. A letra que ela canta é esta aqui, mas em outra versão a letra aparece com a segunda repetição do refrão começando por “Най у синю даль/Летить просторами дзвінка луна” (E eis que voa no vasto azul/O som da sineta pela imensidão), e na segunda estrofe, o verbo usado para “Venham” é “Завітайте”, que ressalta o ato de visitar, e não “Приїзжайте”. A tradução final é minha, mas para cotejamento também considerei rascunhos de traduções em português, espanhol e russo, e há também uma tradução poética em russo nesta página. A legendagem que fiz está no meu canal O Eslavo no YouTube, e segue abaixo junto com a letra em ucraniano e a tradução:


____________________


1. Там, де гори й полонини,
Де стрімкі потоки й ріки,
Де смерічок, ген, розмай,
Ллється пісня на просторі,
Вільна, сильна, наче море,
Про мій милий рідний край.

Приспів:
І у синю даль
Понад горами лине пісня ця, –
Про чудовий край,
Чарівний край Черемоша й Прута.
Край, мій рідний край,
Пісенний край завзяття і труда,
Ти – моя любов,
Ти рідна матінко, моя земля!

2. Завітайте в Прикарпаття,
Завітайте, люди добрі,
Завше будуть раді вам.
Хлібом-сіллю вас зустрінуть,
Файну пісню заспівають –
Шану нашим світлим дням.

(Приспів)

____________________


1. Lá nos montes e planícies,
Rios e riachos caudalosos,
Linda diversidade de abetos,
A canção celebra na vastidão,
Livre, forte, tal como o mar,
Minha querida terra natal.

Refrão:
E no vasto azul
Sobre os montes voa esse elogio
À terra esplêndida e mágica
Dos rios Cheremosh e Prut.
Terra, minha terra natal
Musical, obstinada, laboriosa,
Você é meu amor,
Mãezinha amada, minha terra!

2. Venham à Ciscarpátia,
Venham, gente boa,
Serão sempre recebidos
Com alegria, com pão e sal
E ouvirão lindas canções
Honrando nossos dias de luz.

(Приспів)